notificacao nome sujo

Lançamento: SMS que Alerta sobre Nome Sujo

A partir de agora, o consumidor pode ser notificado quando empresas consultam seu CPF e quando o cadastro é totalmente negativado. A empresa de telefonia Vivo fez uma parceria com a Serasa

Experian, passando a oferecer um serviço que permite que seus clientes recebam alertas via SMS, caso sejam incluídos na base de dados da Serasa e fiquem com o nome sujo.

Caso não haja regularização imediata da pendência, a informação sobre a dívida pode permanecer em aberto no banco de dados por até cinco anos após a data de vencimento. Assim, o CPF da pessoa ficará negativado e ela passará a ter dificuldade em adquirir produtos e serviços e fazer empréstimo.

O serviço é denominado de Vivo Alerta CPF, e custa 4,99 reais por mês. O plano pode ser contratado por clientes de planos pré e pós-pagos da operadora. O serviço alerta o cliente quando alguma empresa consulta seu CPF e quando ela está prestes a incluir seu nome na lista de inadimplentes da Serasa.

Facilidade:

Ao pagar a dívida, um SMS é enviado pelo serviço, indicando que a situação pendente foi regularizada e que o CPF do consumidor não será negativado, garantindo assim que a pessoa não fique com nome sujo.

No site da Vivo, o consumidor pode acompanhar a situação do seu CPF. Ele gera um relatório, mostrando informações sobre cheques sem fundos, protestos, pendências financeiras, nome sujo, ações judiciais, dívidas vencidas e participação em falência. O serviço também informa se os documentos do consumidor podem roubados ou perdidos, impedindo assim a realização de fraudes. Outro plano também pode ser contratado, custando 19,90 por mês. Nesse caso, as notificações são enviadas somente por e-mail, e não por SMS.

Outra empresa que atua na área de análise de crédito, que também oferece o serviço de consulta online da situação do CPF gratuitamente, é a Boa Vista Serviços (SCPC). O acompanhamento pode ser realizado apenas pelo site, e está disponível desde fevereiro desse ano. Atualmente, há muitas empresas que oferecem o serviços de consulta de CPFs de consumidores. O vendedor pode utilizá-los em diversas situações, como para fazer a renovação de seguros, fornecer crédito para o consumidor, vender produtos de forma parcelada ou com pagamento em cheque ou para analisar um cliente que pretende comprar produtos ou contratar serviços, verificando se ele está com nome sujo.

Quando o consumidor é vítima de fraude pelas empresas, ele também pode ser notificado. Ao saber qual empresa consultou sua situação atual, é possível verificar por quais motivos ela realizou esse procedimento. Já a responsabilidade pelo cancelamento do registro na lista de inadimplentes é do consumidor. Cabe à ele fazer a identificação da pendência, procurar o credor e regularizar a situação, realizando o pagamento do produto ou serviço adquirido. Ao ser notificado que ser nome ficará sujo em breve, o consumidor pode regularizar a dívida em um prazo estipulado, antes que aquela pendência fique registrada, seu nome fique sujo e disponível para consultas.

O prazo é de até 10 dias, contados a partir da data de envio da notificação para realizar o pagamento. Se o pagamento não for realizado após esse prazo, ele poderá ser incluído nos cadastros de inadimplência e ficar com nome sujo, conforme prevê o Código de Defesa do Consumidor (CDC). Dessa forma, o cliente terá conhecimento de que uma dívida está vencida. A empresa avisa os órgãos de proteção ao crédito e, em seguida, esses órgãos devem enviar uma carta de notificação de débito para informar o cliente via SMS.

 

 

 

 

Emanuel Gonçalves
Emanuel Gonçalves
Fundador do blog SOS Dividas, especialista com mais de 20 anos no mercado como consultor financeiro, também Autor do Ebook " Como Negociar Dívidas" que vem ajudando milhares de Brasileiros a saírem do vermelho e reestrutura sua vida financeira.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *